Navegue por

DMED alerta para cuidados com enfeites de Natal e a rede elétrica

Faltando poucos dias para o Natal, os enfeites típicos do período já começam a aparecer por toda parte, nas ruas, comércios e residências.

Antes de instalar as lâmpadas é importante verificar a situação dos fios elétricos

Nessa época é muito comum vermos nas decorações o pisca-pisca, que costuma ser aproveitado de um ano para o outro. Por isso, é importante verificar as condições dos fios. Se eles apresentarem ressecamento, rachadura e estiverem rompidos ou se houver lâmpadas quebradas, é mais seguro evitar usá-los e comprar novo material.

Na hora de escolher um enfeite novo, o consumidor deve observar a procedência e qualidade do produto, dando preferência sempre ao que tiver o certificado do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia). Nas embalagens, os piscas-piscas devem trazer informações de potência, tensão de alimentação e instruções de uso. O selo de qualidade deve estar estampado na caixa e as instruções, escritas em português.

Ao comprar uma árvore de Natal é importante procurar pela etiqueta ‘resistente ao fogo’. Essa medida pode evitar maiores estragos caso haja um curto-circuito, como um incêndio. Caso a árvore seja de metal, deve-se evitar o uso de luzes elétricas, pois o metal pode conduzir energia e provocar choques elétricos.

Além disso, as luzes não devem ser instaladas próximo ao alcance de crianças e animais domésticos e, também, não devem estar próximas a enfeites de papel ou cartolina. Outro cuidado importante diz respeito ao consumo de energia elétrica. Para garantir o uso consciente, os enfeites natalinos não devem permanecer ligados durante longos períodos.

De acordo com o Gerente de Distribuição da DME Distribuição, Marco César Castro de Oliveira, no caso de enfeites para utilização externa, eles devem possuir proteção necessária para tal aplicação, no que se refere principalmente à entrada de água nos enfeites, quando estes são alimentados por eletricidade. “É necessário, também, seguir as orientações das Normas Técnicas Brasileiras (NBRs), visando garantir o correto funcionamento das instalações elétricas, em específico os sistemas de aterramento e proteção contra curtos-circuitos, indicados para este fim, sendo recomendável a consulta a um Engenheiro Eletricista ou Técnico em Eletrotécnica, sobre o dimensionamento correto das cargas que serão acrescentadas na instalação elétrica”, conclui.

Algumas recomendações de segurança a serem observadas antes de manusear ou instalar os enfeites de Natal:

– Para instalar lâmpadas decorativas em fachadas, muros, jardins e árvores, é necessário respeitar a distância mínima de 1,5 metro em relação à rede elétrica.

– O conjunto da tomada de energia ou disjuntor de um circuito específico, devem ser desligados ao substituir lâmpadas e outros equipamentos elétricos. Nunca execute esse procedimento puxando a tomada pela fiação.

– Evite deixar a instalação em área sujeita a chuva ou acúmulo de água.

– Dê preferência aos enfeites impermeáveis. Eles são mais seguros e duram mais.

– Dê preferência às lâmpadas de LED. Além de mais econômicas, não geram aquecimento e são mais brilhantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *