Browse By

Bebê fica com pescoço preso em carrinho em creche na Zona Sul

É grave o estado de saúde de um bebê de apenas 5 meses de idade, que ficou com o pescoço preso na grade de proteção do carrinho, na manhã desta segunda-feira, 9, na creche Conceição Aparecida Miguel, na Vila Matilde, Zona Sul da  cidade. O menino está internado na CTI da Santa Casa.

Criança foi socorrida em estado grave e levada para Santa Casa – foto arquivo

De acordo com o boletim de ocorrência, uma berçarista contou que, por volta das 08h da manhã, havia deixado a criança no carrinho sem o cinto de segurança. A criança dormiu e, por volta de 09h40, a funcionária passou pelo local e percebeu que o menino havia caído e estava preso com a cabeça entre as grades de proteção do carrinho. ( As primeiras informações passadas davam conta de que a criança foi colocada no carrinho às 08h, mas a hora correta é às 08h30)

Imediatamente, o Samu foi acionado e a criança levada para a Santa Casa, onde permanece em estado grave por asfixia.

Em abril deste ano, uma criança de apenas 3 anos fugiu do mesmo Centro de Educação Infantil. O menino voltou para casa sozinho, que fica à Rua Caldasita, no Jardim Kennedy, a uma distância de aproximadamente 1,4 km da creche.

A reportagem do Poçoscom.com tentou falar com a direção do CEI Vila Matilde, mas até o momento não conseguiu um retorno do que teria acontecido com o bebê de 5 meses.

5 thoughts on “Bebê fica com pescoço preso em carrinho em creche na Zona Sul”

  1. Beth Hering says:

    Tem que ter funcionários preparados……ja trabalhei como estagiária e vi mta coisa errada em uma creche ……

  2. Anderson says:

    Como faz para abrir uma sindicância nessa creche? Tem algo ou alguem errado lá dentro.

  3. Raquel says:

    Vale a pena questionar a Secretaria Municipal de Educação. Questionar quantas educadoras ficam responsáveis por quantas crianças…questionar aa condições de trabalho desses servidores… Afinal, quando nossos filhos são atendidos pela rede pública, não ficam apenas sob responsabilidade do profissional com quem o deixamos na porta da escola. A responsabilidade é do município que é quem é obrigado a assegurar o direito da criança a um espaço seguro, bem estruturado, com profissionais aptos e etc 😉

  4. fabiana says:

    total imprudencia do responsavel e da escola, pq nao se pode deixar uma crianca sozinha numa sala de aula e colocar um bebe sem cinto de seguranca num carrinho ou bebe conforto… e ainda retorna apos uma hora….

  5. Rosana Aparecida de Melo says:

    Bom muitas vezes…..quem trabalha em creche como eu…..falamos com.companheiras de trabalho fulana por o cinto….cuidado com.isso ou aquilo mais tem gente que e bem difícil de entender…..e acham que bebes não se mexem….engano pois olha o que aconteceu…..uma desgraça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *