Browse By

Fãs poços-caldenses lamentam morte de Stan Lee

Fãs dos quadrinhos do mundo inteiro lamentaram a morte do roteirista e editor da Marvel, Stan Lee, ocorrida na manhã desta segunda-feira, 12, em Los Angeles, nos Estados unidos. Em Poços de Caldas não foi diferente. A morte do criador dos super-heróis que fizeram parte da infância, adolescência e continuam fazendo parte da vida de muita gente também foi sentida pelos fãs sulfurosos. Eles usaram suas páginas nas redes sociais para expressar o sentimento de perda e, ao mesmo tempo, para agradecer ao ídolo por ter criado personagens que marcaram suas vidas.

Stan Lee morre aos 95 anos e deixa um legado para o mundo dos HQs – foto divulgação

O comerciante Arthur Silva, responsável pelo evento Poços Comic Con, inspirado no mundo dos heróis dos quadrinhos, agradeceu por alguns ensinamentos que aprendeu com os pesonagens dos HQ´s.“Obrigado Stan, por me ensinar que sofrer bullying é só uma fase da vida e que, mesmo podendo, revidar nem sempre é a melhor escolha. Que todos somos diferentes desde que nascemos e é essa a maravilha do mundo. Que um cego pode mudar a vizinhança, que uma mulher pode salvar a galáxia. Que cada país pode ter o seu herói. Que o mesmo caminho pode ser trilhado de formas diferentes. Que amigos brigam, mas se a amizade for verdadeira, eles se unem novamente. Que não importa a sua idade, você sempre pode fazer a diferença. Que a família unida pode fazer a diferença também. Que por trás daquele gigante marrento, pode haver um gênio incompreendido, que deuses e reis às vezes precisam aprender com os humanos. Obrigado Stan Lee por fazer parte da minha infância, adolescência e minha fase adulta através de cada história sua. Excelsior”, declarou Silva, que deve prestar uma homenagem a Stan Lee na próxima edição do Poços Comic Com, considerado o maior evento geek do Sul de Minas, previsto para março de 2019.

Quem também deixou uma mensagem de adeus para Stan Lee foi o estudante Augusto Bonilha. Aos 22 anos de idade, ele é um apaixonado pelos personagens e histórias em quadrinhos. Participa desde 2013 das edições da BGS (Brasil Game Show) e por duas vezes já esteve na Comic Com Brasil, grandes eventos que reúnem os principais lançamentos de jogos e cosplays de personagens do universo das HQs.

Bonilha foi surpreendido com a notícia da morte do ídolo ainda no trabalho. Para ele, uma perda insuperável para a galera geek, mas que deixou um legado para várias gerações. “O legado deixado por Stan Lee viverá para sempre. Novas gerações virão e terão a oportunidade de vivenciar e curtir as obras que ele criou. Agradeço por sua dedicação e por poder compartilhar conosco seu extraordinário talento. O elo com o leitor e a sensação com cada HQ foi herdado dele. Muito de tudo isso está presente nos filmes da Marvel de hoje em dia e o grande responsável é o mestre Lee. Um homem cuja imaginação abriu incontáveis mundos para nerds e não-nerds em todo o mundo, fazendo-nos mergulhar em casa história escrita, criando laços com os personagens e nos enchendo de entusiasmo”, finalizou Bonilha.

Stanley Martin Lieber – Stan Lee – morreu aos 95 anos, na manhã desta segunda-feira, depois de passar mal em casa em Los Angeles, EUA. Ele sofria de pneumonia.

Stan Lee se consagrou ao criar super-heróis da Marvel como o legendário Homem-Aranha, Homem de Ferro, Hulk, Thor, Doutor Estranho, Pantera Negra, Quarteto Fantástico, Demolidor, Vingadores, X-Men entre outros.

O roteirista também aguçava a curiosidade dos fãs sobre suas aparições nos filmes que deram vidas aos personagens da Marvel no cinema. Lee tinha uma participação rápida nos episódios, mas deixava sua irreverência na telona.

2 thoughts on “Fãs poços-caldenses lamentam morte de Stan Lee”

  1. Zé says:

    Gostava dos filmes de luta dele. Descanse em paz, Bruce lee

    1. Roni Bispo says:

      Também gostava dos filmes de Bruce Lee, só que ele morreu bem antes do Stan Lee, Zé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *