Browse By

Memórias de uma vida: exposição retrata histórias de idosas em asilo

Em comemoração ao Mês do Idoso, a Câmara Municipal de Poços recebe a exposição fotográfica Memórias de uma Vida, da pedagoga Thainá Moreira Passos. As fotografias estão no saguão de entrada da Câmara e fazem parte de um projeto que surgiu com o intuito de resgatar e ressignificar as histórias e experiências vividas por idosas do Asilo São Vicente de Paulo – Associação Damas de Caridade. As visitas podem ser feitas até o dia 26 de outubro, das 12h às 18h.

Exposição vai até o dia 26 de outubro e a entrada é de graça

O projeto Memórias de uma Vida nasceu em 2013, a partir da experiência de Thainá Passos como docente no asilo. As histórias das idosas foram registradas em duas linguagens: o texto escrito e o registo fotográfico, eternizando todos os momentos vividos por elas e tornando a troca de experiências um processo natural. As imagens foram feitas pelos fotógrafos Jeniffer Bueno, Nany Abrahão, Paula Versiane, Fagner Martins e Fábio Andrade.

Em julho de 2016, o projeto ganhou sua primeira exposição e, a partir daí, escolas e entidades assistenciais receberam as imagens. Outras atividades também foram realizadas, como rodas de conversa com jovens a fim de discutir o envelhecimento e fortalecer a intergeracionalidade. Atualmente, o projeto conta com quatro voluntários e tem sido desenvolvido em duas instituições da cidade, o Asilo São Vicente de Paulo e o Lar dos Velhinhos.

Thainá destacou que é preciso refletir sobre esse processo natural da vida humana, que é o envelhecimento “O projeto nada mais é que o ressignificar histórias e o despertar para o outro. A exposição tem por intuito levar a reflexão diante do papel do idoso em nossa sociedade atual. Tem sido necessário ressignificar nossos valores enquanto seres humanos e valorizar essas pessoas de mais idade. Isso nada mais é do que respeitar nossa cultura e nossa própria história”, disse.

Para o vereador Lucas Arruda (Rede), que apresentou um requerimento convidando a pedagoga para expor o trabalho na Câmara, é preciso mostrar o quanto os idosos são importantes para a sociedade. “Conheci essa exposição durante visita à Associação Damas de Caridade. São várias fotos de idosas da instituição com a história de vida delas. Esse fato me chamou a atenção e me mostrou que é possível fazer um trabalho de ressignificar a vida dessas pessoas e mostrar o quanto a experiência delas contribui para o desenvolvimento da sociedade. Foi nesse intuito que fizemos o convite para que a Câmara recebesse essa exposição e para que as pessoas pudessem olhar para esses idosos que tanto inspiram as novas gerações”, declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *