Browse By

Zona leste pode ficar sem água neste fim de semana

O alerta foi divulgado pelo DMAE – Departamento Municipal de Água e Esgoto, que mesmo com a chuva desta sexta-feira, 14, a situação dos mananciais continua crítica.  A região já foi afetada no final de semana passado devido a manobras no abastecimento por causa da estiagem.

DMAE iniciou bombeamento emergencial na Saturnino de Brito para não faltar água

A falta de chuva provocou a queda no volume de água na Represa Saturnino de Brito, principal responsável pelo abastecimento da Estação de Tratamento de Água -ETA 1, que, atende toda a zona leste da cidade.  Diante do quadro crítico, o DMAE alerta para a possibilidade de falta de abastecimento naquela região da cidade nos próximos dias.

 Buscando medidas que possam minimizar os problemas à população, o DMAE passou a usar o “volume morto” (reserva técnica) da Represa Saturnino de Brito, utilizando uma motobomba com capacidade para até 200 litros por segundo.

Segundo o diretor do DMAE, Antonio Roberto Menezes, é uma ação emergencial e temporária e o que se espera é que as chuvas cheguem com um volume considerável para se evitar o racionamento. “A água é um recurso natural o que nos torna totalmente dependentes da natureza. Assim, quando o período de estiagem se prolonga muito, há queda no volume de água dos mananciais gerando problemas de abastecimento, agravado também pelo aumento do consumo devido ao calor. O DMAE realiza várias ações buscando minimizar os problemas à população, como esta de utilizar o “volume morto” da Saturnino, uma medida emergencial e temporária. Esperamos que as chuvas que começaram nesta quinta-feira permaneçam por alguns dias em grande volume para o abastecimento de nossos reservatório e a normalização do abastecimento. Solicitamos à população que economize água e a compreensão para o momento que estamos vivendo. Além disso, estamos colocando um numero de celular, o 98438-2687, para que as pessoas registrem atitudes de consumidores lavando carros ou calçadas para tomarmos as providencias necessárias”, ressaltou o diretor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *