Câmeras de segurança da área central começam a funcionar nesta sexta-feira

Previsto para ter início no dia 13 de dezembro do ano passado, o sistema de videomonitoramento começou a funcionar nesta sexta-feira, 8 de fevereiro, na área central de Poços de Caldas. Das 15 câmeras, apenas uma ainda não está em funcionamento.

A partir de agora o centro volta a ser monitorado com câmeras – foto Poçoscom.com

De acordo com o diretor da Guarda Civil Municipal, Marcelo Gavião Bastos, o atraso foi por causa da instalação elétrica das câmeras junto aos semáforos e, ainda, por conta dos ajustes da transmissão via internet da central de processamento, que fica na sede da EXP, empresa responsável pela Zona Azul e pela instalação das câmeras, na Rua Rio de Janeiro, para a torre no alto da Serra de São Domingos e para a central de videomonitoramento, na sede da Guarda, na antiga estação ferroviária.

Com investimento de R$ 500 mil feitos pela empresa responsável pelo estacionamento rotativo, o sistema de videomonitoramento estará operando 24 horas por dia neste setor da Zona Azul. O sistema é composto por 15 câmeras 360º de alta definição e longo alcance, que já estão instaladas nos principais cruzamentos de vias importantes como a Rua Assis Figueiredo e Praça Pedro Sanches.

Totens
Desde ontem, os 10 guardas municipais que vão realizar o monitoramento passam por capacitação. A Guarda Civil Municipal também recebe, a partir desta sexta-feira, em caráter experimental, dois “totens” com oito câmeras, que serão instalados em frente à sede da GCM. Os equipamentos vão disponibilizar imagens da Avenida João Pinheiro, sentido bairro-centro, desde a “ponte do Mantiqueira”, Rua Junqueiras, Complexo Cultural da Urca, Museu, Praça Getúlio Vargas e Parque José Affonso Junqueira.

As câmeras são dotadas de tecnologia de reconhecimento de placas de veículos e, em breve, terão também a tecnologia de reconhecimento facial. “Todo investimento em segurança é sempre bem vindo. Nos dias atuais, a tecnologia é fator primordial para a otimização dos serviços operacionais, inteligência, racionalização e emprego mais efetivo dos nossos integrantes e viaturas. Todo esse processo faz parte do plano ‘Poços mais Segura’. Importante salientar que a Guarda Civil conta também com rede de rádio digital, sistema de lançamento de ocorrências online, sistema Reds com interface direta com a Polícia Civil, talonários eletrônicos de autuação de trânsito e estatística em tempo real. Tudo isso só foi possível graças ao apoio da Administração Municipal e da nossa Secretaria de Defesa Social. E vamos em busca de outras melhorias”, destacou o diretor da Guarda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *