Estudantes fazem curso de verão sobre répteis em Poços

O mês de janeiro é um período propício para a maioria dos estudantes que querem descansar, dar um tempo nos estudos e esquecer um pouco das atividades acadêmicas, curtir as férias.

Estudantes fizeram manejo de espécimes como a jiboia - foto Renato Gaiga
Estudantes fizeram manejo de espécimes como a jiboia – foto Renato Gaiga

Por outro lado tem aqueles que mal esperam chegar as férias para procurar por cursos rápidos de verão como forma de se capacitar cada vez mais, ou ampliar o conhecimento com algo que não têm acesso nos cursos convencionais.

Tem gente que procura algo sobre moda, comunicação/publicidade, teatro, música, dança, fotografia, artesanato, culinária entre outros. Mas tem um grupo de estudantes de Poços de Caldas que escolheu uma atividade um tanto exótica: um curso sobre a herpetologia, ou seja, a opção foi para conhecer de perto tudo sobre os répteis, que é área da herpetologia, um ramo da zoologia que se dedica aos estudos dos répteis e anfíbios.

Estudantes puderam conhecer um pouco mais sobre as serpentes - foto Renato Gaiga
Estudantes puderam conhecer um pouco mais sobre as serpentes – foto Renato Gaiga

O curso específico foi ministrado nas dependências da Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas e  contou com aulas teóricas, dinâmicas em grupo e principalmente o  manejo de serpentes vivas.

Além das atividades dentro da Fundação, os participantes também tiveram a oportunidade de assistir uma aula noturna em plena mata, onde tiveram contato direto com espécimes de anfíbios, alguns minúsculos e ainda algumas cobras de hábitos noturnos.

Aula noturna em campo foi um diferencial - foto Renato Gaiga
Aula noturna em campo foi um diferencial – foto Renato Gaiga

O curso específico foi ministrado pela Biotropica, uma empresa de Poços de Caldas que presta consultoria ambiental e que se tornou referência em estudos ambientais com ênfase em fauna, atuando em diversas regiões e empreendimentos do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.