Browse By

Paralisação ameaça estoque de sangue no hemocentro

O reflexo da paralisação dos caminhoneiros chegou também a unidade do Hemominas no Poços de Caldas que está com estoque de sangue abaixo do esperado.

Sem combustível voluntários deixaram de ir à unidade para fazer a doação – foto Poçoscom.com/Roni Bispo

A falta de combustível fez com que muitos voluntários deixassem de vir de outras cidades para fazer a doação na manhã desta sexta-feira, 25, quando eram aguardados 60 doadores e apenas 13 compareceram à unidade.

De acordo com a captadora do hemocentro, Maria Lauricéia Esteves Cardoso, a preocupação é grande, pois pode haver o desabastecimento de sangue na unidade tendo em vista que a doação já vinha sofrendo uma redução de 30% por causa da queda na temperatura nos últimos dias.

As doações são necessárias para atender aos hospitais de Poços e região. Somente a Santa Casa recebe em media 600 bolsas de sangue por mês.

Com a restrição de combustível nem mesmo as unidades do Hemominas podem socorrer uma as outras.

Por isso a captadora faz um apelo aos moradores de Poços de Caldas e cidades vizinhas para que compareçam à unidade de segunda a sexta-feira, e façam a doação das 07h as 11h30.

Para aumentar a arrecadação, além do horário especial na quarta-feira, das 16h às 20h, na quinta-feira, 31, em pleno feriado a unidade vai abrir para receber os doadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *