Equipe da Santa Casa realiza parto de alto risco em gestante com 278 kg

Uma gestante de 34 anos e que sofre de obesidade mórbida foi submetida a um parto de alto risco na manhã desta quarta-feira, 28, na Santa Casa de Poços de Caldas.

Mesmo sabendo dos riscos o desejo de ser mãe foi maior

Em um caso sem precedentes na história do Hospital, uma equipe de seis médicos da Santa Casa realizou o parto da pequena Micaela, que nasceu com 50 centímetros e 3.515 kg. O parto foi delicado por causa da situação da mãe, Elaine Cristina Liparini, que sofre de obesidade mórbida, pesando 278 quilos. 
Por causa dos riscos da cirurgia, tudo foi preparado com muita cautela pela equipe da maternidade da Santa Casa. A equipe da Santa Casa que realizou a cirurgia contou com o anestesista Júlio Cardoso, os ginecologistas Daniel Incrocci, Macario Neto, Caroline Vilela, Valéria Reis, Danilo Ribeiro e o cirurgião Rafael Nacarato.

Às 8h24 da manhã nascia Micaela e que após a cirurgia, foi recebida pela equipe do berçário juntamente dos pediatras Lézio e Carol Danza. “A Elaine foi internada na terça-feira para avaliação pré anestésica e controle pressórico. Moradora de Andradas, realizou pré-natal em sua cidade de origem, em conjunto com o pré-natal especializado no Hospital da Zona Leste, com a  Tânia Brandão. Devido ao quadro de obesidade mórbida e descontrole pressórico, a paciente foi submetida à cesárea eletiva. Tudo correu maravilhosamente bem devido ao grande trabalho do Hospital e o parto foi um sucesso, ainda mais levando em conta que é um caso sem precedentes”, explicou o ginecologista Daniel Incrocci. 

Mesmo sabendo dos riscos o desejo de ser mãe foi maior

A nova mamãe conta que, mesmo sabendo dos riscos de engravidar em sua condição, sempre acreditou no trabalho de todos que a ampararam desde o início da gravidez. “Passamos por várias situações difíceis, ainda mais por eu já ter um pequeno dentro de casa e ter o risco de ter outro bebê, mas a gente sabe que Deus não faz coisas erradas. Eu já vim segura para onde eu estava sendo mandada. A Santa Casa é um ótimo lugar, acolhedor. A estrutura daqui é muito boa e o fato de saber que ia ser operada pelo Dr. Daniel me deixou mais calma. Quero agradecer a ajuda da Dra. Fernanda Pam e de todos que me ajudaram. Agora é só curtir essa benção que é a Micaela”, conta Elaine.

A obesidade mórbida

A Organização Mundial da Saúde estima que 1,9 bilhão de adultos tenham sobrepeso, sendo 600 milhões com obesidade. No Brasil, de acordo com dados do Ministério da Saúde, a cada ano são 1 milhão de novos casos de obesidade no país e a cada 15 anos dobra a taxa de obesos.
Nos últimos anos, a Santa Casa de Poços de Caldas se tornou uma grande referência no que diz respeito a cirurgias de redução de peso. Desde 2013, o Hospital realizou 754 cirurgias. Em 2018, a instituição bateu recorde com mais de 152 cirurgias bariátricas, além de pela primeira vez realizar cirurgias de redução de pele, foram 22 durante o ano. Tudo realizado através de atendimento SUS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *