Incêndios criminosos destroem áreas equivalentes a 11 campos de futebol em dois dias em Poços

Após controlar as chamas de um incêndio de grandes proporções na tarde do domingo na vegetação no entorno da Pedra do Balão, na Serra de São Domingos, o Corpo de Bombeiros de Poços de Caldas teve muito trabalho na noite desta segunda-feira, 12, para combater mais um incêndio de grandes proporções. Desta vez foi em uma vegetação às margens da Avenida Edmundo Cardillo.

Na noite desta segunda-feira, o fogo destruiu 5 hectares de vegetação às marges da Edmundo Cardilo – foto Corpo de Bombeiros

O fogo começou por volta das 18h30 no morro acima da avenida e se aproximou de algumas casas que ficaram separadas das chamas pelos muros. Os bombeiros deram prioridades nos focos próximos às residências. Por ser uma região íngreme, as chamas chegaram a 3 metros de altura, colocando em risco a equipe do Corpo de Bombeiros. Foram duas horas de combate até extinguir todos os focos.

O trabalho contou com 10 bombeiros, além de do engenheiro da Defesa Civil e ainda 4 viaturas e uma equipe do DMAE com um caminhão pipa. Os bombeiros usaram 15 mil litros de água para apagar o fogo que consumiu uma área de 5 hectares, o equivalente a 5 campos de futebol.

No domingo já tinham sido destruídos 6 hectares de mata na Pedra do Balão, o que corresponde a uma área de 6 campos de futebol.

Assim como na Pedra do Balão, o incêndio na Edmundo Cardillo foi criminoso. Testemunhas ligaram para a Companhia do Corpo de Bombeiros denunciando que um homem havia colocado fogo na mata e fugiu em seguida.

Provocar queimadas é crime. Ajude a combater este dano tanto para saúde, quanto para o meio ambiente. Você pode denunciar o infrator para a PM via 190.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *