Santa Casa participa da Semana Mundial de Aleitamento Materno

Quem vai até a maternidade da Santa Casa de Poços de Caldas pode apreciar e conhecer a decoração e exposição montada na entrada da ala que tem como objetivo chamar a atenção para a importância do Aleitamento Materno.

Equipe montou uma exposição e exposição na entrada da Maternindade

A equipe da Maternidade caprichou na decoração da Ala e produziu folders com informações sobre a importância do aleitamento materno. 

A enfermeira chefe da Maternidade, Patricia Pavesi conta que o tema da iniciativa, que acontece anualmente em agosto, o chamado Agosto Dourado, tem como objetivo enfatizar a importância do envolvimento de todos os familiares próximos, e não apenas da mãe, para que seja possível o aleitamento materno exclusivo nos primeiros seis meses de vida e de forma complementar até os dois anos de idade.

“Nosso papel como profissionais da saúde é de muita relevância, já que nós que acompanhamos a primeira hora, que chamamos de hora de ouro, incentivando a amamentação aqui na Maternidade, tirando as dúvidas e trazendo ensinamentos para que ela continue em casa. Planejamos essa ação há algum tempo com a intenção de chamar a atenção mesmo. O arco que a gente fez chamou muita atenção. Todos que passam param para ver. As fotos são para incentivar, com funcionários, com pacientes, tivemos a ajuda da fotógrafa Julia Dansinger, que nos cedeu algumas fotos. Destacando que contamos com o envolvimento de toda a equipe”, relata Patricia Pavesi.  

Segundo a enfermeira, as mulheres se preparam muito para o parto e muito pouco para o pós-parto. “A amamentação é difícil,  uma etapa que a mãe e o bebê aprendem juntos e elas têm muita dificuldade porque as vezes não tem uma rede de apoio que possa orientar. Aí que entra os profissionais aqui da Maternidade e de fora da Maternidade. A gente incentiva, ensina a tirar as dúvidas, pois sabemos que existem muitas dificuldades. Temos que preparar para o pós-parto, já que o parto acaba, mas o pós-parto é mais prolongado e não é fácil”, completa Patricia Pavesi.      

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *