Dupla acusada de matar adolescente com 39 golpes de tesoura vai a júri popular

Estão sendo julgados no Fórum de Poços de Caldas nesta quinta-feira, 10, os dois acusados pela morte do adolescente Daniel Guilherme Rodrigues, com 16 anos. O crime aconteceu em agosto de 2016. A vítima foi encontrada em um matagal às margens da Rodovia do Contorno com 39 perfurações e marcas de pedradas na cabeça. Os acusados pelo crime Guilherme Augusto Souza dos Reis e Thalison de Souza estão sentados no bando dos réus.

Corpo do adolescente foi encontrado com 39 perfurações  – Foto arquivo

A dupla foi presa logo após o crime. Na época a polícia civil concluiu que a vítima estava envolvida com o tráfico de drogas, o que teria motivado o crime.

Entenda o caso:

O corpo de Daniel Guilherme foi encontrado em um matagal no Jardim do Contorno e tinha marcas de pedradas na cabeça e 39 perfurações pelo corpo feitas por golpes de tesoura, a maioria nas costas.

O carro em que a vítima estava foi encontrado do outro lado da pista, em um canteiro em frente a uma porteira, com os vidros quebrados. O veículo havia sido furtado por ele horas antes do crime na Barão do Campo Místico. A família do adolescente contou à polícia que o rapaz era usuário de drogas e que sofria ameaças de traficantes por causa de dívidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.