E.M. Vitalina Rossi, no Jardim Esperança, implanta “Escola da Inteligência”

Os 367 alunos do 4º ao 9º da Escola Municipal Vitalina Rossi, no Jardim Esperança, na zona sul de Poços de Caldas, já sabem: uma vez por semana é hora de falar de emoções e sentimentos, nas aulas do projeto “Escola da Inteligência”, programa educacional fundamentado na Teoria da Inteligência Multifocal, que visa desenvolver a educação socioemocional no ambiente escolar.

Por meio da educação das emoções e da inteligência, a metodologia visa promover a melhoria dos índices de aprendizagem, o aprimoramento das relações interpessoais e o aumento da participação da família na formação integral dos alunos.

Projeto visa ajudar na melhoria da aprendizagem na escola

Na E.M. Vitalina Rossi, o evento de abertura foi realizado no dia 26 de março. Cada aluno confeccionou uma flor para “plantar” no jardim das boas emoções que os estudantes desejam que fiquem na escola. Também foi o momento de “jogar fora” os sentimentos ruins, no mural que serviu como depósito simbólico para as emoções negativas.

Uma vez por semana, uma aula do projeto é realizada pelos professores da própria unidade, que estão sendo capacitados pela equipe da “Escola da Inteligência”. “É uma parceria de extrema importância nos dias atuais. As habilidades emocionais podem e devem ser ensinadas e aprendidas. É papel da escola preparar nossos alunos não só para um futuro profissional como também para a vida. Essas aulas também vêm ao encontro do projeto da Secretaria Municipal de Educação e da gestão da secretária Flávia Vivaldi de melhoria nos relacionamentos e no ambiente escolar”, destaca a diretora da unidade, Denise Nery Ramos.

Além das aulas, as professoras envolvidas – Elisângela, Talita, Alexandra e Maria do Carmo – darão suporte nas reuniões com os pais e familiares, que também participarão do programa junto com os alunos. “Como gestora, espero poder contribuir para que a escola seja um ambiente de acolhimento e diálogo”, ressalta Denise. “Os alunos estão gostando muito das aulas e fazendo questão de vir para a escola”, avalia.

Dos 524 alunos da unidade, que oferece Ensino Fundamental (do 1º ao 9º ano), 367 estão participando do projeto. A parceria entre o programa e as escolas municipais foi viabilizada pela secretária municipal de Educação, Flávia Vivaldi. O projeto-piloto será acompanhado pela SME e aplicado em 13 escolas municipais em 2019, com avaliação do desenvolvimento dos alunos e das equipes no final do ano.

Escola da Inteligência
A iniciativa é composta por produtos e serviços, incluindo um kit específico de material gráfico para alunos, pais e professores, potencializando a aprendizagem de forma significativa e prazerosa. “A Escola da Inteligência é o maior e o mais completo programa de desenvolvimento das competências socioemocionais no âmbito escolar. O nosso programa foi idealizado pelo pesquisador e escritor Augusto Cury e construído por toda uma equipe de mestres e doutores das áreas da psicologia, pedagogia, letras, matemática, que sistematizaram a teoria”, ressalta a gerente de Ensino da “Escola da Inteligência”, Adriana Tomaz Lima, que participou do evento de formação dos profissionais da rede municipal de Poços. Atualmente, o programa atende diretamente mais de 200 mil alunos em escolas de todo Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *