Encerrado estado de greve de funcionários da Santa Casa

A decisão foi tomada após uma audiência de conciliação na 1ª Vara do Trabalho de Poços de Caldas e por determinação do Tribunal Regional do Trabalho de Minas Gerais, o Sindicato dos Empregados, juntamente com a Administração da Santa Casa, avançaram nas negociações referentes ao reajuste salarial do Acordo Coletivo de Trabalho.

Após audiência Sindicato encerrou o estado de greve – foto arquivo Poçoscom.com

Pela nova proposta acordada entre as partes os funcionários terão um reajuste de 10,40% no vale-alimentação, chegando a R$ 400,00 o benefício. Os trabalhadores celetistas terão um reajuste na ordem 1% no salário-base, que compreende os funcionários que recebem até R$ 5 mil.

A categoria reivindicava um reajuste salarial de 5,6%, baseado no índice da inflação e o mesmo percentual de reajuste do vale-alimentação.

Com a nova negociação foi encerrado o estado de greve, porém desde o início do movimento os serviços essenciais no hospital não foram interrompidos.

A presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Poços de Caldas e região, Valdeslaia de Couto, considerou positiva a nova negociação. “ “Ao final, mais uma vez sobressaiu o necessário espírito da negociação coletiva, essencial para as relações envolvendo patrões e empregados, em detrimento de posturas rígidas e impermeáveis de cada um dos lados representados”, disse a presidente.

Em nota a  administração da Santa Casa manifestou a satisfação em chegar a um acordo amigável com o Sindicato de Saúde de Poços de Caldas e seus associados, bem como os funcionários da Santa Casa. A direção ainda agradeceu  a compreensão e o entendimento, já que em nenhum momento os funcionários deixaram de exercer suas funções, mesmo decretando estado de greve.  E que dentro do possível e impossível conseguimos atender um pouco do que os funcionários merecem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Este site está protegido.