Preservação: campanha visa proteger o macaco-prego

Será lançada nesta sexta-feira, 7, em parceria como Governo do Estado de São Paulo e o Parque Estadual de Águas da Prata, Fundação Florestal e prefeitura de Águas da Prata a campanha “Lugar de Macaco é na Floresta”.  O lançamento será às 17h de forma online.

A campanha visa a preservação dos macacos que vivem no Parque Estadual Águas da Prata – foto divulgação

A Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente está desenvolvendo ações específicas para a proteção dos primatas do Parque Estadual Águas da Prata ( Bosque da Prata ).  

O convívio de turistas e moradores tem influenciado negativamente o desenvolvimento natural da espécie colocando em risco a vida dos animais.  

Dentre as ações está a campanha “Lugar de macaco é na floresta”, com o objetivo de habituar novamente os animais a procurarem alimento na mata. O outro viés é sensibilizar, por meio da educação ambiental, sobre a importância da preservação da espécie.  

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente, de Águas da Prata, vai participar ativamente do trabalho assim que as ações forem colocadas em prática na cidade.  

“Infelizmente algumas pessoas insistem em alimentar esses animais. Já alertamos várias vezes para o perigo que isso representa à natureza e à própria saúde dos bichos. Há pessoas que dão pamonha, salgadinhos, e até doces para os macacos. O metabolismo deles não digere bem alimentos processados. Alguns adoecem e até morrem de dor de dente na mata, além de não praticarem a busca natural por alimentos. Isso tem que acabar, para o bem dos animais”, disse o Secretário Municipal do Meio Ambiente, Marcos Santos.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.