Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.

Rapaz de 17 anos confessa assassinato próximo ao Pico do Gavião

Após dois meses de investigação, a Polícia Civil de Andradas, identificou o suspeito do homicídio ocorrido na noite de 26 de novembro do ano passado, ocasião em que a vítima Luiz Doniseti Vital, de 55 anos, foi morta com um golpe na cabeça. O homicídio ocorreu em uma estrada vicinal que dá acesso ao Pico do Gavião.

Durante a investigação ficou descartado o crime de latrocínio, pois o veículo da vítima, que trabalhava com material reciclável, foi localizado cerca de 200 metros distante do cadáver. Os trabalhos apontaram que o suspeito seria um adolescente de 17 anos. Interrogado, o jovem confessou crime, contando detalhes da conduta delitiva.

O crime aconteceu depois que o carro em que os dois homens estavam quebrou e os dois se desentenderam – foto Policia Civil

Segundo o Delegado responsável pelo caso, Fabiano Roberto Mazzarotto Gonçalves, a motivação do crime seria um desentendimento entre eles. “Os dois abandonaram o veículo após um problema mecânico e seguiram a pé pela estrada, momento em que se desentenderam. Então o suspeito se apoderou de uma pedra e atingiu a vítima com violência na cabeça”.

O inquérito será convertido em procedimento para apuração de ato infracional, finalizado e enviado à Vara da Infância e Juventude da comarca de Andradas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *