Zona Azul terá quase 4 mil vagas no centro

Desativado desde o dia 25 de julho de 2014, o estacionamento rotativo pago no centro da cidade, mais conhecido como Zona Azul volta funcionar dentro de 60 dias. O prazo foi definido na tarde desta quarta-feira, 24, após a assinatura do contrato com a empresa vencedora da concorrência pública para a prestação do serviço, ocorrida no auditório da Secretaria Municipal de Educação. O valor do contrato com a empresa Explora Participações em Tecnologia e Sistema de Informação é de R$ 1,7 milhão de reais, melhor preço apresentado durante o processo licitatório.

Com o retorno da Zona Azul serão quase 4 mil vagas no centro
Com o retorno da Zona Azul serão quase 4 mil vagas no centro

A operação da Zona Azul foi regulamentada por decreto, em setembro de 2015, após a aprovação de projeto pela Câmara. O sistema que será implantado conta com integração de tecnologia, com utilização via parquímetros, central telefônica, celular e internet, facilitando aos usuários a aquisição de créditos e ativação de uso da vaga de estacionamento.

O estacionamento rotativo será operado em três áreas com tempos de permanência de 1, 2 e 3 horas com o pagamento do mesmo valor, ou seja, com R$ 2,00 o usuário poderá permanecer estacionado de 1 a 3 horas, conforme a área de utilização de segunda-feira a sábado das 08h30 às 18h30. O número de vagas vai passar para 3.943 no centro da cidade.

De acordo com o secretário de Defesa Social, Luis Carlos Lima, haverá um período de pré operação do novo sistema. Serão quinze dias sem cobrança, com o objetivo de testar o novo sistema e orientar a população. A Prefeitura, por meio da Defesa Social, iniciará uma extensa campanha de informação sobre o novo sistema, trinta dias antes da operação e que persistirá durante os trinta dias posteriores à implementação da nova zona azul. A fiscalização do estacionamento rotativo ficará por conta dos agentes municipais de trânsito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.