Ciclovia da João Pinheiro recebe obra de ampliação

Um trecho da ciclovia da avenida João Pinheiro está sendo ampliado para dar mais segurança para os pedestres que fazem caminhada e também para os ciclistas.

O trecho que passa por ampliação vai da ponte da rua São José até a rodoviária

O novo trecho que está sendo implantado vai até a rodoviária e é feito pela Secretaria de Obras em parceria com o setor de Parques e Jardins da Secretaria de Serviços Públicos.

Além disso, parte da obra será feita por uma empresa terceirizada. “É um trabalho diferenciado com uso de máquinas específicas que a Prefeitura não dispõe”, informa o secretário de Obras da Prefeitura, José Benedito Damião. 

Com a ampliação, quem pedala, corre e caminha vai ter mais segurança e conforto para praticar atividade física na avenida. 

Bortolan

Além da ampliação do trecho, a Prefeitura vai ainda sinalizar a rodovia no Bortolan até o Marco Divisório, trazendo mais segurança para os ciclistas na rota do “pão com linguiça”, que vai até a divisa com o estado de São Paulo. 

Pedalando na pandemia 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda o uso de bicicleta, tanto como forma de locomoção quanto para manutenção da saúde, mas com uma série de recomendações em tempos de pandemia.

Entre elas está manter distanciamento, usar máscara e evitar caminhos e/ou horários movimentados. Outra recomendação importante é levar álcool em gel e limpar as mãos antes de tocar os olhos, nariz ou boca.

Já um estudo feito pela Universidade Católica de Leuven, na Bélgica, e pela Universidade de Tecnologia de Eindhoven, na Holanda, pontua que tanto ciclistas quanto corredores evitem ficar atrás de outras pessoas que estejam se exercitando para fugir das correntes de ar, que podem conter gotículas de suor com coronavírus.

Segundo o estudo, para quem pedala ou corre com outras pessoas, é mais seguro seguir ao lado ou na posição diagonal. As recomendações também servem para quem caminha. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.