Teleférico deve voltar a funcionar em breve

A secretaria municipal de Turismo está realizando testes no teleférico para manutenção no equipamento, visando o retorno de um dos principais atrativos turísticos de Poços. As atividades estão suspensas desde o último dia 5 de setembro, quando houve a queda de uma das cabines, durante os trabalhos de manutenção, ferindo o servidor Miguel Albano de Almeida.

Teleférico está parado desde o dia 5 de setembro – foto Poçoscom.com/Roni Bispo

Com a divulgação do resultado do laudo pericial, na última quinta, 24, a secretaria pretende intensificar estes testes. Segundo o laudo,  durante a operação de manutenção do teleférico, o aparelho operava de forma inversa, no sentido horário (prática utilizada comumente em caso de manutenção preventiva), quando o normal seria o sentido anti-horário. Desta forma, o sistema de segurança não estava ativo. Se estivesse, teria detectado a falha da conexão entre o cabo e a cabine, e avisado o operador do sistema. Como não houve este aviso, quando o funcionário desceu em uma das cabines, ao final do expediente,  aconteceu o desprendimento desta cabine, próximo à torre numero 4.

A análise foi feita pelo posto de perícia integrada da Polícia Civil de Minas Gerais, com apoio da Seção Técnica de Engenharia Legal do Instituto de Criminalística.

Agora, a Polícia Civil, de posse do laudo, irá dar continuidade ao inquérito, ouvindo os envolvidos,  como o mecânico responsável pelo equipamento e o próprio funcionário que sofreu o acidente, que já se encontra em casa, após passar por cirurgia e internação hospitalar.

De acordo com o secretário de Turismo, Ildeu Pereira, o teleférico não está interditado, mas como ficou parado e por ser um sistema feito de engrenagens é preciso passar pela manutenção. “Basicamente, o que nós esperávamos era exatamente esse laudo para que pudéssemos dar sequência na operação do equipamento, que já está liberado. Desde o início de setembro, nós não pudemos movimentar o teleférico, então, por isso, agora, estamos colocando o equipamento em movimento, lubrificando todos os pontos móveis para que possamos retomar o movimento normal”,  informa o secretário de Turismo, Ildeu Pereira.

A secretaria está finalizando alguns testes mecânicos e eletromagnéticos para avaliar   a condição do cabo que sofreu o impacto. “O equipamento foi aprovado nos testes. Isso nos fornece um embasamento para vislumbrarmos o retorno do funcionamento do teleférico, antes do final do ano”, ressalta o secretário. Ele destaca ainda que  o teleférico é conduzido e operado por funcionários da prefeitura com larga experiência. “Temos plena e total confiança na operação do equipamento, que só será liberado para receber os turistas e moradores, após rigorosa avaliação.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site está protegido. Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize as ferramentas de compartilhamento da página.